Igualdade em Salvador

Vasco marca no fim e empata com o Bahia na Fonte Nova

Com 49 pontos, o Bahia permanece na 11ª colocação na tabela, enquanto o Vasco, com 48, caiu para a 13ª posição ao ser ultrapassado pelo Atlético-MG.

06/12/2019 por Gazeta Press - Rio de Janeiro , RJ

Bahia e Vasco empataram em 1 a 1 na noite desta quinta-feira, em Salvador, pela 37ª rodada do Campeonato Brasileiro. Garantidos na Sul-Americana em 2020, as duas equipes entraram em campo sem maiores ambições.

O time da casa foi superior na maior parte do confronto, e abriu o placar no primeiro tempo, em pênalti sofrido e cobrado por Gilberto. O Vasco empatou no final do segundo tempo com Marrony.

Com 49 pontos, o Bahia permanece na 11ª colocação na tabela, enquanto o Vasco, com 48, caiu para a 13ª posição ao ser ultrapassado pelo Atlético-MG.

Na última rodada da competição nacional, no próximo domingo, o Bahia se despede da temporada no Castelão diante do Fortaleza. Já o Vasco recebe a Chapecoense em São Januário, em jogo que pode definir o último rebaixado.

O Jogo – Embalado pela vitória sobre o CSA na última rodada, que encerrou um jejum de nove partidas sem vencer, o Bahia entrou em campo disposto a mostrar para sua torcida que ainda pode desenvolver um bom futebol.

O Tricolor da Boa Terra foi a equipe que propôs o jogo na etapa inicial. O Vasco, ao contrário da promessa de ousadia do técnico Vanderlei Luxemburgo, entrou em campo com vários reservas e assumiu uma postura defensiva.

O Bahia começou marcando o Vasco em seu campo e pressionando a saída de bola adversária. Aos cinco, Flávio rouba a bola na intermediária e solta uma bomba da entrada da área. Fernando Miguel rebate, Andrey tenta dominar na linha da área mas Gilberto aparece e toma. O 9 do Bahia tabela com Arthur na área e chuta, mas erra o gol e desperdiça boa chance.

O Vasco conseguiu uma finalização aos 12. Fernando Miguel fez uma ligação direta com Marrony na ponta esquerda e após sequência de passes Raul arriscou de longe. O chute foi rasteiro e no canto esquerdo de Douglas, que se esticou e tocou para escanteio.

Aos 23, o Bahia retomou mais uma bola na intermediária do Vasco e saiu em velocidade. Gilberto recebeu de Arthur na área e com belo toque tirou Fernando Miguel e um zagueiro da jogada, mas a bola passou rente ao poste e foi para fora.

O Vasco fez boa jogada aos 27. Pikachu deu belo passe longo para Ribamar na área. Marcado por dois, o atacante fez o pivo e tocou para a entrada de Raul, que disputou com a zaga e caiu. O árbitro apontou para a marca do pênalti, mas voltou atrás após revisão pelo VAR.

Aos 44, após jogada pela direita, Nino Paraíba levantou na área e a zaga rebateu. Gilberto caiu no lance com as mãos na cabeça e a partida foi paralisada.

Ao revisar o lance no vídeo, o árbitro verificou a sola de Ricardo na cabeça de Gilberto e marcou pênalti e expulsou o zagueiro cruz-maltino. O atacante do Bahia retornou ao gramado com uma proteção na cabeça, cobrou o pênalti e abriu o placar na Fonte Nova.

Na volta do intervalo, Luxemburgo fez duas substituições visando recompor sua equipe após a expulsão de Ricardo. Os volantes Fellipe Bastos e Marcos Júnior entraram nos lugares do lateral Raúl Cáceres e do atacante Ribamar.

Aos 4, Richard perde a bola no meio de campo, Gragore avança pela esquerda até a altura da área e toca para trás para Flávio, que acerta um balaço no travessão.

O jogo foi seguindo sem que nenhuma das equipes produzisse lances de perigo, até que aos 36, Arthur Caíke foi expulso após cometer uma sequência de faltas e deixou o Bahia com dez em campo.

A igualdade numérica animou o Vasco, e aos 39, Gabrile Pec recebe em profundidade pela esquerda, entra na área e cruza para trás. Marrony chega batendo e acerta o canto de Douglas e deixa tudo igual no placar.

FICHA TÉCNICA
BAHIA-BA 1 X 1 VASCO-RJ

Local: Arena Fonte Nova, em Salvador (BA)
Data: 5 de dezembro de 2019 (Quinta-feira)
Horário: 19h15(de Brasília)
Árbitro: Felipe Fernandes de Lima (MG)
Assistentes: Frederico Soares Vilarinho (MG) e Ricardo Junio de Souza (MG)
Cartões amarelos: Richard, Fellipe Bastos (Vasco)
Cartões vermelhos: Arthur Caíke (Bahia); Ricardo (Vasco)
Renda: R$ 419.760,00
Público: 25.579 (25.148 pagantes)
Gols:
BAHIA: Gilberto, 44 min do 1º tempo
VASCO: Marrony, aos 39 min do 2º tempo

BAHIA: Douglas Friedrich, Nino Paraíba, Lucas Fonseca (Wanderson), Juninho e Moisés; Gregore, João Pedro e Flávio; Artur, Gilberto (Fernandão) e Élber (Arthur Caíke)
Técnico: Roger Machado

VASCO: Fernando Miguel, Raul Cáceres (Fellipe Bastos), Werlei, Ricardo e Henrique; Richard, Andrey, Yago Pikachu e Raul (Gabriel Pec); Marrony e Ribamar (Marcos Júnior)
Técnico: Vanderlei Luxemburgo


Fonte: GazetaEsportiva

Tags: vasco marca no fim e empata com o bahia na fonte nova